Arquivo do autor:Aurélio Belas

Sobre Aurélio Belas

Especialização em Prótese Dental pela Associação Brasileira de Odontologia (ABO/GO) // Especialização em Periodontia pela Associação Brasileira de Odontologia (ABO/GO) // Especialização em Radiologia pela (pelo) Profis (USP), Bauru, SP // Docência no curso de especialização em Implantodontia da Associação Brasileira de Odontologia (ABO/DF), Brasília, DF

doi

Este alerta está colocado na porta de um espaço terapêutico

Tenham todos uma boa tarde!

A enfermidade é um conflito entre a personalidade e a alma.
O resfriado escorre quando o corpo não chora.
A dor de garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.
O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.
O diabetes invade quando a solidão dói.
O corpo engorda quando a insatisfação aperta.
A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.
O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.
A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.
As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.
O peito aperta quando o orgulho escraviza.
A pressão sobe quando o medo aprisiona.
As neuroses paralisam quando a “criança interna” tiraniza.
A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade.
Os joelhos doem quando o orgulho não se dobra.
O câncer mata quando não se perdoa e/ou cansa de viver.
E as dores caladas? Como falam em nosso corpo?
A enfermidade não é má, ela avisa quando erramos a direção.
O caminho para a felicidade não é reto, existem curvas chamadas “Equívocos”, existem semáforos chamados Amigos, luzes de precaução chamadas Família, e ajudará muito ter no caminho uma peça de reposição chamada Decisão, um potente motor chamado Amor, um bom seguro chamado FÉ, abundante combustível chamado Paciência.
Mas principalmente um maravilhoso Condutor chamado DEUS, ou como O queiram chamar.

Se gostaram, compartilhem e comentem!

 

novembro azul contra diabetes

Baixo nível de testosterona implica no risco da diabetes em homens

Baixos níveis de testosterona nos homens pode aumentar o risco de desenvolver diabetes, afirma um estudo da Universidade de Edimburgo.

Os cientistas chegaram a essa conclusão quando descobriram que níveis baixos de testosterona estão ligados a resistência à insulina – principal sintoma do diabetes. A insulina é um hormônio que controla os níveis de açúcar no sangue. Pesquisas anteriores mostram que a testosterona alterada também aumenta o risco de obesidade, outro fator de risco do diabetes.

Dente cuide-bem-dele e do dentista

Conheça as 10 doenças que mais matam no Brasil

As causas de morte mais frequente no Brasil são um reflexo direto do estilo de vida que o brasileiro leva atualmente.

Confira em números preliminares do Ministério da Saúde, que indicam as 10 principais causas de morte no País nos anos de 2000 e dez anos depois, em 2010.

“Dados do IBGE mostram que apenas 15% da nossa população fazem atividade física regular. É um número muito baixo.” afirma Irineu Viegas Pantoja Júnior, médico especializado em medicina antienvelhecimento.

10º causa de morte cirrose e doenças cronicas do figado9º causa de morte outras doencas isquemicas do coracao8º causa de morte cancer do pulmao7º causa de morte insuficiencia cardiaca6º causa de morte bronquite, enfisema e asma5º causa de morte doencas hipertensivas4º causa de morte diabetes mellitus3º causa de morte pneumonias2º causa de morte infarto agudo do miocardio1º causa de morte doenças cerebrovasculares

Fonte: Ministério da Saúde

Dentista pode identificar caso de pré-diabetes e diabetes

Dentistas do Cir Premier podem identificar casos de pré-diabetes e diabetes

Diabetes e dentistas na identificação de casos de pré-diabetes!

Estudos feitos nos Estados Unidos mostram que uma visita ao dentista pode ajudar a identificar um caso de pré-diabetes e diabetes. Foi desenvolvido um protocolo para identificar problemas bucais que podem acontecer por causa do aumento de açúcar no sangue.

Os 600 participantes da pesquisa tinham 40 anos ou mais e não sabiam se eram diabéticos ou não. Todos os pacientes fizeram exames periodontais de hemoglobina e glicose e cerca de 530 pacientes tinham pelo menos um fator de risco ou histórico familiar da doença, colesterol alto, hipertensão, sobrepeso ou obesidade.

Um simples protocolo com dois parâmetros dentais podem ajudar na identificação de pré-diabetes e de diabetes: o número de dentes ausentes e o percentual de bolsas periodontais (espaços entre os dentes e as gengivas). Então, previna-se!


unnamed

Turbine a sua limpeza bucal!

Saiba o que você pode utilizar para dar uma turbinada na hora da “faxina bucal”. Você pode utilizar sem dúvida o fio ou fita dental, o superfloss (que é um tipo de fio dental compassador acoplado), as escovas Unitufo e interdentais e alguns enxaguatórios bucais que deixarão sua boca mais agradável e sadia.

Podemos citar também os jatos d’água (water pik) e as escovas elétricas. O dentista do Cir Premier vai recomendar os tipos de dispositivos indicados para auxiliar a limpeza bucal de acordo com o risco periodontal de cada paciente.