Cirurgia-Ultrassonica

Cirurgias odontológicas com cortes ultrassônicos

Uma ótima novidade na cirurgia odontológica no Hospital Odontológico Cir. Cirurgias odontológicas com cortes ultrassônicos. A tecnologia do Piezosurgery Elétrico permite cirurgias com cortes ultrassônicos extremamente precisos e milimétricos sem o uso de brocas. Tudo com a grande vantagem de não atingir nervos, que podem causar paralisia facial pois uma vez em contato com tecidos moles, o dispositivo de corte tem sua atividade diminuída ou cessada, preservando totalmente a integridade de vasos e nervos, muitas vezes comprometidos ao utilizar as convencionais brocas. Sendo assim, o dispositivo reduz sensivelmente o sangramento durante as intervenções cirúrgicas, melhorando a visibilidade durante o procedimento e diminuindo os desconfortos pós-operatórios, como edema, dor e tempo de recuperação. Com esse equipamento no Hospital Odontológico Cir, é possível realizar cirurgias odontológicas como: Implantes dentários; Levantamento de seio maxilar para enxertos ósseos e instalação de implantes; Cirurgias buco-maxilo facial para correção de traumas ou deformidades; Apicectomia para tratamento na raiz dentária; Extração de 3º molar (sisos); Retirada de cistos; Remoção de grandes quantidades de tártaro (tratamento periodontal avançado). Localizado em uma área nobre de Brasília, no contra-fluxo dos engarrafamentos, você poderá realizar um sonho: reestabelecer sua mastigação e ter um belo sorriso novamente. São anos de tradição e confiabilidade, com um excelente índice de satisfação de seus clientes. Clientes que optaram em utilizar a segurança de uma estrutura hospitalar para realizarem um sonho: o de sorrir novamente.

dificuldade-mastigacao

Você tem dificuldades na mastigação? Isso pode causar problemas de saúde.

Quando estamos comendo um alimento, nunca imaginamos a quantidade de músculos e articulações que entram em ação, pois, no ponto de vista odontológico, mastigar é bem mais complexo do que parece. São inúmeras ações que são responsáveis pelo abrir e fechar da boca durante a mastigação. Por isso devemos ficar atentos de qual forma é a correta para no futuro, não ocorra uma série de complicações. A importância de uma frequência regular ao dentista evita que o problema se agrave e assim seja diagnosticado, corrigindo-o com mais eficácia. Podem ocorrer transtornos na articulação da mandíbula, que alteram a musculatura facial, problemas na oclusão dentária, luxações na articulação têmporo-mandibular, bruxismo, tumores e alterações de desenvolvimento ósseo, espasmos nos músculos mastigatórios. O mais comum entre eles é o bruxismo, já conhecido de muitos como “briquismo”, que é o ranger dos dentes durante o sono ou uma pressão excessiva durante o dia ocasionando fortes dores de cabeça e até irritação. Dificilmente é identificado pelo paciente, e logo é julgado por stress, mas não é tão simples assim, cerca de 15% da população é atingida, tanto pra homens quanto para mulheres. Não é uma doença, mas já é um alerta pra algo que não está funcionando bem e que precisa de um cuidado especial. Além do exame físico, também podemos contar com exames de imagem como radiografias, tomografias, e a ressonância magnética, que são de suma importância para o diagnostico do paciente. Para aliviar os sintomas recomendamos placas de mordia, que além de aliviar as dores, preservam os dentes evitando os desgastes da mastigação; próteses dentárias; tratamentos ortodônticos; relaxamento da musculatura facial acompanhada e também, não menos importante, mas de grande efeito contra as dores, bolsas de água quente na região de onde se origina as dores. Não existe cura definitiva para os problemas originados de má mastigação, mas o tratamento contínuo ajuda a combater os sintomas, uma boa dica é praticar atividades físicas ou de lazer que aliviam o stress, pois o aumento da tensão sobre o problema só tende a piorar a situação do paciente. Por isso, se seu problema já está em um nível critico, procure nosso Hospital Odontológico CIR, marque sua consulta que faremos um diagnóstico completo da sua situação e lhe encaminharemos a todos os nossos setores, do clinico ao fonoaudiólogo, para que sua situação seja solucionada com o maior conforto possível.

higiene bucal depois de fazer um implante

Higiene bucal depois de fazer um implante?

Como cuidar da higiene bucal depois de fazer um implante? Implantes dentários, hoje são cada vez mais comuns, e com certeza conhecemos sempre alguém que já passou por esse tipo de tratamento. O que muitas pessoas imaginam é que após a colocação dos implantes o tratamento chegou ao seu ponto final. O que na verdade, é um começo de uma nova etapa de tratamento. Assim como na dentição natural, os implantes devem ser higienizados com mais rigor e com um acompanhamento periódico do dentista especialista nesse tipo de tratamento. Nos primeiros meses, os implantes dentários passam por ajustes da mandíbula para melhorar a mordida, é analisada a higienização que está sendo feita em casa pelo paciente e dependendo da complexidade do implante que varia de acordo com o paciente, ela passa por um processo de limpeza mais profunda, especial e profissional na própria boca do paciente. Algumas doenças são desconhecidas de muitos pacientes que fazem o tratamento com implantes dentários como a “mucosite” e “periimplantite” (inflamações na gengiva e no osso que podem levar à perda do implante). Ambas são comuns quando não é feita uma higienização adequada pelo paciente ou quando não há uma frequência adequada ao dentista para realizar um monitoramento posterior ao tratamento. São doenças silenciosas, pois não apresenta sintomas aparentes e quando o diagnóstico é realizado muito tarde pode causar a perda total do implante. Os principais sinais de que algo pode estar errado com os implantes dentários são sangramentos agudos e frequentes gengivais e alterações na cor da gengiva. Quando o estado do paciente é mais grave podem apresentar dores, inchaços e mobilidade do implante. Assim que o paciente notar um desses sintomas, deve imediatamente procurar um periodontista especialista em implantes dentários. A prevenção dessas e de outras doenças requer uma cooperação do paciente com uma boa limpeza diária realizada em casa, consultas regulares ou frequentes ao dentista são de extrema importância para a melhor saúde dos dentes e implantes. Existem alguns produtos que auxiliam o paciente na higienização diária das próteses e esses produtos variam de paciente para paciente e de situação pra situação. Procure orientação com um especialista sobre os produtos, prevenções e tratamentos. Não deixe pra última hora. Realizar um procedimento tão importante quanto este em um lugar com estrutura hospitalar completa é o ideal para você, nossa equipe, formada por profissionais altamente qualificados, já realizou mais de 23 mil implantes dentários e garante um sorriso sadio e duradouro.



1 2 3 4 6