O que é o enxerto ósseo na odontologia?

O enxerto ósseo é uma massa óssea que pode ser adquirida a partir do próprio osso do paciente, de bancos de ossos ou, até mesmo, serem artificiais.

Com isso, o profissional é capaz de fazer o osso “ganhar” volume suficiente para a realização do implante dental. Quando realizado por profissionais experientes, esse procedimento é considerado rotineiro.

 

A segurança do enxerto ósseo dental

Hoje podemos afirmar que pelos resultados apresentados pelo enxerto ósseo, começou a ser indicada também para os pacientes com atrofia óssea severa de maxila com o objetivo de instalar próteses fixas.

Como toda nova técnica, existe um momento de euforia e, depois, de equilíibrio para indicá-la nos casos adequados. O equilíbrio surgiu na década de 90, momento em que se conseguiu identificar as melhores indicações para a técnica de enxerto ósseo.

Portanto, na maioria dos casos, os melhores resultados alcançados para se tratar maxilas atróficas (maxilas sem altura ou largura suficiente para a realização de implantes devido à perda óssea) ainda são através de enxertos ósseos em conjunto com o tratamento de implantes dentários.